Série Maníacos

O viciante mundo da TV

American Idol – 7×01: A disputa começou!

Publicado por Eric Fernandes em janeiro 16, 2008

ai1.jpg

Por Lucas Carvalho

Começou a sétima temporada do American Idol, o mais popular reality show do planeta. Os primeiros episódios, como todos que já conhecem o programa bem sabem, são cheios de bizarrices de todo tipo. Gente atrevida, maquiada, desbocada, desafinada e, como agulhas num palheiro, alguns bons cantores.

O primeiro episódio foi divertido, embora em certos momentos a gente se sinta inclinado a parar de assistir (Sabe aquela coisa da vergonha alheia? Pois é). Vamos aos melhores de hoje:

Joey Catalano: Logo de cara, um competidor que mostra que American Idol não é só um concurso de canto. Se fosse, seria feito em rádio, não em televisão. Histórias contam muito. Achei impressionante ver o peso que ele perdeu, especialmente pela idade (19 anos) que ele tem agora. Canta bem, pode se dar muito melhor se escolher as músicas com cuidado no decorrer do programa – mas se vocês viram Canadian Idol, tinha um bocado de caras com a mesma voz por lá. Uns passaram, outros não… Mas o nível do Canadian Idol é sabidamente menor.

Melanie Nyema: Uma coisa que vocês vão perceber imediatamente é que eu não sou muito leniente com as mulheres. De cara, não gostei mesmo. Ela parece ser gente boa, mas como cantora… Eu já ouvi aquela voz outras vezes, em outras temporadas e em outros programas. Não sei o que ela tem de diferente pra oferecer. Muitas moças aparecem todo ano cantando nesse tom, com o mesmo timbre. E o fato de ela ter cantado com o Taylor Hicks não me faz mudar em nada o meu ponto de vista. O Taylor é fantástico, ela nem tanto.

Junot Joyner: O Junot não foi tão mal assim. Quer dizer, o cara passou. Mas ele passa em Hollywood? Eu diria que não. Ele canta bem, a voz dele é super legal… Mas eu não vejo nele o próximo American Idol. Aí as pessoas poderiam pensar: “Ah, mas o Ruben…”. Não, não compare o Ruben com o Junot. O Junot parece ser bem legal e canta bem… Mas o Ruben foi um formidável competidor para o Clay Aiken. Canta demais, e por isso as pessoas não se revoltam com tanta força por ele ter vencido a segunda temporada. O Junot é legal, mas eu não o vejo indo muito longe.

Jose Candelaria: O que dizer desse cara? Não é o Latin-American Idol. Eu gostei do que ele cantou, mas eu não o vi cantando nada em inglês, então não dá pra saber se ele vai se dar bem no programa.

Jonathan Baines: Lembram do Same Difference, do X-Factor? Parece que eu estou vendo aquele menino narigudo outra vez. Esse cara não tem absolutamente nada de diferente e eu não consigo vê-lo indo muito longe. Ele foi bem, mas… Nada extraordinário não.

Angela Martin: Gostei, mas nada de mais. Ela canta bem, mas me sinto mal (Pela filha pequena) pensando que ela não tem o necessário pra ir muito longe. É uma voz boazinha, mas não chega lá. Um comentário a parte é sobre o nome de uma das pessoas que estavam torcendo por ela: ” Latrina Martin”? Onde esse mundo vai parar?

Kristy Lee Cook: Aí está a que muitos terão como early favorite. Ela parece uma estrela, se comporta bem e canta muitíssimo bem. A voz dela, eu já ouvi antes, mas tenho que dizer que… É bem provável que ela chegue ao Top 12. Se não perder o rumo no meio do caminho, claro. Mas preciso deixar bem claro que ela não é a minha favorita.

Beth Stalker: Gostei da Beth. Ao contrário do Simon, eu gostei do timbre dela, de como ela interpretou a música… E é sempre interessante ver como essa galera dos 28 se porta dentro do programa. Sempre com o medo de nunca mais poder tentar.

Chris Watson: Eis o meu favorito dessa primeira leva de candidatos. O cara tem estilo, tem voz, tem presença e eu olho pra ele e consigo imaginá-lo fazendo sucesso. Sim, tem outros como ele por aí, mas ele consegue ser diferente para os padrões do American Idol. Tem muito potencial e pode ir bem longe – não hesito em dizer que, se ele não der mancada, chega ao Top 12 tranqüilo.

Brooke White: Legalzinha. Canta bem, exala aquele ar de pureza… Mas nada de extraordinariamente fantástico. No entanto, com essa em particular… Eu posso estar enganado. Ela pode nos surpreender posteriormente no programa.

O que foi aquele James Lewis? Parecia um boneco da Vila Sésamo, cantando. Que loucura – e o cara realmente achava que sabia cantar. Nessas horas, eu fico preocupado comigo, quando eu gravo minhas músicas e ouço outros artistas. Fico pensando se eu não sou meio como esse James, achando que canto alguma coisa. E tadinha da Temptress Browne. Com dezesseis anos, eu cantava e as pessoas saíam da sala. Ela ainda tem que amadurecer muito… Mas eu fiquei triste por ela, especialmente pela mãe, que deve sofrer muito com a obesidade. American Idol tem dessas coisas.

Antes que a Alexis Cohen dissesse que as pessoas a comparam com a Janis Joplin, eu tinha dito a mesma coisa, só de ouvi-la falando. E é verdade, aquele tom raspado na voz é bem Janis Joplin mesmo – agora, cá entre nós… A Janis nunca ia se dar bem num programa como o American Idol, que molda as pessoas completamente. Eu sou um super fã do programa e, se eu pudesse e não tivesse o menor receio de ser internacionalmente humilhado, eu iria lá me submeter a tudo. Mas… A Janis nunca ia fazer uma coisa dessas. E a Alexis se provou bem Janis mesmo – agressiva, rebelde, atrevida. Não gosto muito de reações assim e, em particular, eu chamo a atenção de vocês pra mãe dela. Vocês viram o olhar da mãe dela em todo o processo? Era aquela coisa meio: “Essa doida é minha filha?”. Sabe? Me senti meio mal por causa da mãe.

Fora os que eu comentei, só sobram mesmo os ridículos. Aquele Milo, aquele Paul Marturano, o Ben (Que enfrentou aquela depilação toda apenas por alguns minutinhos de fama) e a Christina Tolisano. Puramente ridículos.

Próxima parada, Dallas! E se preparem, porque o Texas é celeiro de bons cantores (Celeiro de bons cantores. Caiu bem).

Até amanhã, galera!

P.S: Será que alguém vai cantar “Feeling Good” direito nesse programa? Parece até que essa música é amaldiçoada!

About these ads

8 Respostas para “American Idol – 7×01: A disputa começou!”

  1. Ótima review do episódio Lucas. Eu tb gostei muito do Joey Catalano e do Chris Watson! Dei muita risada com os bizarros da semana…foi uma boa leva!! kkkk

  2. Filipe disse

    Olá..
    Existe algum lugar que se possa baixar legendado??
    Pois quero muito acompanhar o reality!!

  3. Começou bem, Lucas. Eu gostei muito do programa. As bizarrices foram muitas. Essa Alexis Cohen tinha alguma coisa, eu normalmente não gostaria de uma pessoa assim, mas ela pareceu verdadeira em tudo, no que acreditava e eu realmente gostei dela, ri muito de tudo que ela disse, da sua agressividade. Foi divertido.

    Sobre a Melanie Nyema, não acreditei quando passaram ela, achei bem abaixo do que o programa deve procurar. Acho que em Hollywood ela dança.

    A Kristy Lee Cook, me impressionou tb, mas to ficando com o pé atrás desde a temporada passada, onde alguns impressionaram nas audições e depois foi aquela decepção.

    Gostei de outros tb, foi um bom inicio. Aguardando o próximo episódio agora.

  4. Renan Swat disse

    Concordo Lucas, pelo menos no primeiro dia o episódio foi bem editado mas foi fraco e Chris Watson se destacou e outra cara, o Briam Melo que ganhou o ultimo Canadian Idol cantou bem e muito bem Felling Good, se você já tiver conferido bem senão não perca tempo.

    E hj tem Dallas o/

  5. [...] Série Maníacos: American Idol – 7×01: A disputa começou! [...]

  6. Tiago Rodrigues disse

    Concordo que o Chris Watson foi o melhor. Ele canta de uma maneira diferente… certamente chegará ao Top 12!
    E vocês perceberam que é só pintar uma negra que cante mediamente bem que eles já aprovam? Não é preconceito é que sempre tem esse “padrão” de catores no American Idol. Eles podiam ser um pouco mais rigorosos nessa primeira parte.
    Nesse primeiro dia eu aprovaria: o Joey, o Chris, a Kristy e Angela. Só.

  7. [...] Então se você quiser ler o excelente review da premiere do Lucas Carvalho, cliquei neste link. [...]

  8. Lucas disse

    Bom esse episodio está aqui na fila dos meus donwnloads, logo vou começar a ver logO! TOmara que eu curta o reality original que vou assistir pela primeira vez!!!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: