American Idol – 7×15: Top 10 Mulheres

top.jpg

Por Lucas Carvalho

Agora quem canta músicas dos anos 70 enquanto luta para permanecer no programa é a mulherada. Dez canções foram entoadas neste que pode ser considerado o episódio mais fraco desde que chegamos ao Top 24.

Foi incrível perceber como o American Idol pode ser difícil de assistir. Pouquíssimas performances boas, um desastre e várias escolhas musicais questionáveis. Vamos analisar uma por uma:

Spoilers Abaixo:

Carly Smithson:

 carly-rocker.jpg

“Crazy on You”, Heart

Dando o pontapé inicial no episódio, temos a Carly cantando uma das músicas mais emblemáticas da banda Heart. Foi afinada? Foi. Animou a platéia? Se estivermos falando da de lá, é… Meio que sim (Tem sempre a Paula, que fica batendo palmas). Não me entendam mal, eu gosto muito da Carly e dos agudos raspados que ela dá… Mas ela poderia ter cantado tão melhor, se tivesse escolhido uma música mais adequada. Quer dizer, a apresentação foi boa, mas não me deixou empolgado. Talvez tenha sido o tema ou a própria atmosfera pós-Carly no programa… Só sei que rever a performance dela depois que terminou o episódio de ontem não me fez pular da cadeira. Foi algo bom, mas bem inferior ao que ela pode fazer de melhor.

É necessário, no entanto, comentar o certo empurrão que o Simon dá para a reputação da Carly, sempre afirmando que ela canta muito e que existe toda uma hype que a cerca e tal. Apesar da base de fãs que ela constituiu durante a Hollywood Week e desde as auditions da temporada, essas palavras do Simon dão toda uma segurança – nas votações também. Gosto imensamente da Carly, mas ainda espero que ela consiga fazer uma apresentação maravilhosa. .. E que esses elogios gratuitos meio fora de lugar careçam de necessidade.

Syesha Mercado:

 syesha.jpg

“Me and Mr. Jones”, Billy Paul

Se você não conhece a música, provavelmente é porque o nome foi alterado – de “Mrs” para “Mr”, tendo em vista que a Syesha é quem está cantando, e cantando para um homem (Ao contrário da versão original). Foi uma das mais tediosas performances da Syesha. Escolheu mal a música e, como de costume, ela tinha que gritar no final, não tinha? Os dois tutores que já me orientaram nas aulas de canto vêem algumas das performances do Idol de várias temporadas que eu trago no iPod e criticam severamente essa inclusão de notas agudas e longas em músicas que não as comportam. A escolha foi ruim, o grito foi inadequado, mas pelo menos ela se manteve afinada no decorrer da música. Ainda a considero uma grande candidata a estar no Top 5, pelo menos.

E claro, o choro de bebê dela foi impressionante.

Brooke White:

 brooke.jpg

“You’re So Vain”, Carly Simon

A melhor escolha e performance da noite, by a mile! Sim, ela não fez muito com a música. Sim, a apresentação como um todo não teve aqueles pontos altos de soprano como a Syesha e sim, a afinação em um ponto ou outro foi meio esquecida, ma-as…

Foi fantástico! Sabe quando a música casa perfeitamente com a artista? Foi o que aconteceu – quando eu fiquei sabendo que essa era a música que a Brooke ia cantar, imediatamente me animei pra assistir ao programa. O visual estava em ordem, o vídeo sobre a experiência dela com a beauty school foi uma escolha tremendamente sábia do que comentar num vídeo do Idol, as olhadas para o Simon foram ótimas e o violão coube perfeitamente em tudo. A voz dela muito se assemelha à da Carly Simon e, após uma apresentação como essa, estou começando a me interessar em acompanhar mais de perto a jornada da Brooke no programa.

Um último detalhe. Quem viu a apresentação ao vivo da Carly Simon no Saturday Night Live em 1976, acompanhada pelo Chevy Chase na percussão, se impressionou ainda mais com tudo. Se tiverem a oportunidade, procurem para assistir – a Carly tem fama de não curtir muito performances em público (Ou seja, o vídeo dela no SNL é uma pérola).

Ramiele Malubay:

 ramiele.jpg

“Don’t Leave Me This Way”, Thelma Houston

Em primeiro lugar, é necessário comentar aquele vídeo de abertura – alguém lembrou do Sanjaya? Ele teve um vídeo em que disse quase exatamente a mesma coisa… E ficou dançando lá.

Em segundo lugar, a música simplesmente não combinou com a voz sussurrada da Ramiele e, durante a apresentação, ela não parecia estar no seu elemento. Foi afinado, mas a escolha da música não foi muito interessante. Gostei do fato do Ryan ter explicado o que a Paula disse.

É, Ryan Seacrest também é cultura.

Kristy Lee Cook:

kristy.jpg

“You’re no Good”, Linda Ronstadt

Foi estranho ver o lado mais esportista e aventureiro da Kristy no vídeo – destoou um pouco do rótulo que ela recebeu no programa e, para o bem ou para o mal, deu pra sacar que aquele jeitão é realmente o dela (Em um bocado desses vídeos, a pessoa fala sobre um hobby ou sobre algo que fez há muito tempo. No caso dela, deu pra perceber que não). Essa apresentação foi melhor que a da semana passada, sem sombra de dúvida… Mas ainda conseguiu ser medíocre. Nada de muito chamativo, a não ser umas desafinadas meio estranhas no meio da melodia.

É bom que os competidores melhorem dessa gripe e de suas conseqüências. E eu não sei muito bem se as músicas country são uma boa para a Kristy, de verdade. Ela pode ficar muito parecida com a Carrie Underwood, de um jeito ruim – ou seja, sempre cantando músicas meio sem sal, sem aquela qualidade da Carrie, e as comparações seriam inevitáveis.

Amanda Overmyer:

 amanda.jpg

“Carry On My Wayward Son”, Kansas

É, foi uma apresentação bem esquisita. A música ficou totalmente estranha, a performance foi um tanto quanto forçada e, mais do que isso, o cabelo e a roupa da Amanda estavam muito estranhos! Jeito de juba de leão misturado com um visual bem Cher…

A Paula, claro, falando sobre dança. ¬¬ Não creio que a Amanda esteja em perigo nessa semana por causa dessa apresentação e sim, ela é melhor que aquela música, em vários sentidos. Tenho quase plena convicção de que essa performance foi uma exceção – que não há de se transformar numa regra.

Alaina Whitaker:

 alaina.jpg

“Hopelessly Devoted To You”, Olivia Newton-John

Que vídeo estranho.

Pois bem, a apresentação não foi muito boa não. Os fóruns do Idol tentaram comparar a performance da Alaina nesse episódio a outras duas que já foram testemunhadas pelos fãs do programa. Uma foi a da Carmen Rasmusen, na segunda temporada… E a outra foi da Carrie Underwood. É cristalino que, como sustenta o Rickey (www.rickey.org), a Alaina pendeu mais pro lado da Carmen (Uma das escolhas mais confusas para o Top 12 em qualquer das seasons – nunca conquistou efetivamente o público americano) que da Carrie. O vocal foi relativamente afinado, a interpretação foi meio que boa… Mas a escolha não ficou tão, tão, tão legal como poderia. Se a Alaina quiser se manter firme no programa, vai ter que escolher bem melhor a música na próxima semana (Imaginando que ela não seja eliminada nessa).

Alexandréa Lushington:

alexandrea.jpg

“If You Leave Me Now”, Chicago

Como de costume, a Alexandréa não chamando a atenção de jeito nenhum. Não consegui ainda engolir ela no Top 24 e, com uma performance dessas, confirma minhas restrições. A roupa ficou, como sempre, muito estranha (Bermuda de exército, jaqueta?) e, mais do que isso, não combinou em nada com o que a música que ela cantou transmite. Falando sobre a música, é uma das mais bonitas de todo o período dos anos 70, mas de verdade não ficou bem na voz da Alexandréa (Desconsiderando afinação e timbre). A Paula a chamou de “relevante”. ¬¬² Não, não é tão relevante. É muito provável que ela seja eliminada nessa semana.

Kady Malloy:

 kady.jpg

“Magic Man”, Heart

Ok. Várias coisas me incomodaram nessa apresentação da Kady. A começar do vídeo, que a mostrou cantando ópera na maior facilidade. Eu costumo dizer que a Ramiele tem dupla personalidade, mas a Kady consegue deixar isso ainda mais evidente! A apresentação foi estranha, esquisita e a música pareceu completamente maluca – a desafinação constante contribuiu pra deixar tudo assim (Outra coisa que contribuiu foi a própria escolha mesmo). O comentário do Simon sobre a tentativa de se parecer com a Christina Aguilera foi incrivelmente certeiro… Deu mesmo pra sacar que a voz estava lá no fundo da garganta durante a performance. De verdade não gostei.

E só a título de desencargo de consciência: não parece que o nariz da Kady é meio… Proeminente? Percebi isso de modo particular nesse episódio.

Asia’h Epperson:

asiah.jpg

“All By Myself”, Eric Carmen

Eu sei, vocês esperavam que eu fosse colocar a Celine Dion como a autora, mas na verdade foi esse cara, o Eric Carmen, que escreveu a letra e a cantou pela primeira vez. A apresentação da Asia’h, muito em decorrência da gripe, foi uma das piores de todas as temporadas no Idol. Sério mesmo, foi um desastre. Durante toda a apresentação, a música pareceu forçada e ela aparentava espernear por dentro… Para chegar às notas agudas. Foi um suplício ouvir e, embora eu não goste do timbre dela (Meio fanhoso e falho no começo dos versos), senti até uma pontada de compaixão – sentimento esse visivelmente compartilhado pelos jurados.

Pois é, galera. Isso resume nosso Top 20. Com relação às eliminações das mulheres, é muito provável que a Kady e a Alexandréa saiam nessa semana. A melhor apresentação da noite, muito em decorrência das mancadas que as mais “hypadas” da temporada deram… Foi mesmo a da Brooke White.

E é isso, pessoal. A seguir, Elimination Round! Vamos ver se as nossas previsões se concretizam. .. A caminho de transformar o Top 20 em um Top 16.

Nos vemos amanhã, galera. Até mais! ;)

 

 

 

 

Anúncios

3 comentários sobre “American Idol – 7×15: Top 10 Mulheres

  1. Brooke White realmente foi fantastica… a unica q fez com q eu gostasse do episodio… mais sacanagem o que fizeram com a alaina… sacanagem mesmo… :(

  2. A Asia’h foi a pior da noite mesmo, não chegou nem aos pés da versão da Gina Gloksen, ou da Leona Lewis no X Factor, espero que tenha sido por causa da gripe mesmo…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s