Jericho – 2×04: Oversight

Jericho é criticada diariamente, mas não dá pra negar que a série tem seus bons momentos. Oversight foi um episódio um pouco mais denso e dramático, uma faísca para a revolta (pessoal e comunitária) que vai começar. Revelações, mistérios, morte. O melhor episódio da série que já tem data pra acabar.

Spoilers abaixo! 

J&R está virando um governo paralelo, mandando, desmandando, prendendo e matando sempre que quer. Achei que iriam se focar nos transportes do Dale durante o episódio todo, mas fiquei feliz em ver que não. O menino foi preso e liberado logo em seguida pra mostrar duas coisas: o poder da empresa e a lealdade do major. Dois pontos fundamentais pra compreendermos o desenrolar da história.

John Smith, o cara sem o qual os ataques não teriam acontecido e sem o qual nós nunca iríamos descobrir sobre as conspirações e informações do novo governo. Hawkins é um cara esperto, mas não sei até quando ele vai conseguir ditar as regras desse jogo de espionagem e se ele vai saber até onde confiar nesse cara. Claro que temos que dar o devido valor ao fato dele ter conseguido revelar/convencer o major das falcatruas em que seu chefe está envolvido e, através dele, a insurreição pode tomar grandes proporções.

A pior sequência fica com a Heather ouvindo e reagindo à revelação do Hawkins seguido por sua entrada no gabinete do xerife pra recuperar um papel, as caras e bocas e os olhares que ela dava para o resto da sala a cada dois segundos foram totalmente desnecessários e auto-incriminantes, seguido da cena em que o major aceita a palavra da moça sem nem fazer uma revista mínima.

A melhor sequência foi a da Bonnie matando três dos quatro “soldados” da J&R. A menina surda, inocente e indefesa segurando uma “12” e se sacrificando pra salvar a noiva do irmão foi demais! A morte dela foi ainda mais digna do que a do prefeito. A guria vai deixar saudades. Agora ninguém segura o Stanley, é só olhar sua cara de “eu quero vingança”. Só fico com medo dele culpar a Mimi pela morte da irmã

PS: O fechamento do episódio com Damien Rice no fundo também ajudou, né?

PS 2: Desculpem o atraso, mas aos poucos vou postando meus coments.

Anúncios

9 comentários sobre “Jericho – 2×04: Oversight

  1. Episódio mt bom mesmo… o 2×05 mantém o mesmo nivel e a guerra contra a J&R fica cada vez mais clara… e confirmando sua frase… o Stanley vai arrebentar.

  2. esse episódio foi mto bom e concordo com o Thiago q o 02×05 mantem o nivel (só podia ter evitado o ‘spoiler’ pra quem ainda não viu afinal aqui é o 02×04 e ainda fica em ‘aberto’ se Mimi vai morrer ou não hehehe)

    fiquei triste com a morte da Bonnie mas foi legal pelo drama q isso vai trazer agora…e o Jake vai se ver numa situação complicada como xerifão da parada…vamos ver aonde vai dar afinal só mais 3 episódios!

  3. Jericho está morta! A série que era a melhor promessa do ano passado. Se juntaria a Heroes, Lost e Hose, como as melhores. Ficou tosca desde a morte do pai dos Green… E essa cena apelativa da morte de uma surda combatendo um esquadrão como os Ravenwoods (Fala sério! Ela pensa que é superheroína?) vai decretando o seu fim. Uma morte desnecessária, apenas para dar ganchos (bons diga-se a verdade), mas está me lembrando os absurdos de Prison Break … Enfim, morreuuuuu! Não vai me fazer falta!!!

  4. como assim Esouza?
    Jericho está morta, mas simplesmente pq não pegou já q teve uma primeira temporada completa e apenas em uns poucos capitulos foi boa, a premissa era mto boa, mas a série em NENHUM momento, vou repetir, em NENHUM momento esteve perto de Lost e House (Heroes é tão fraca quanto Jericho, apenas tem mais audiencia)
    cena apelativa da morte da surda? primeiro a personagem na série sempre foi mais que ‘a surda’ odeio esses rotulos infelizes…
    e assim como morreu a cunhada do Jake na primeira temporada nessa morreu a Bonnie numa cena das MELHORES até agora de Jericho…ela em nenhum momento pensou q era superheroina pelo contrário ela se sacrificou pra salvar a esposa e o filho (q ela tem na barriga) do seu irmão…e conseguiu isso de maneira super satisfatória…
    os erros de Jericho em maneira alguma foram na sua segunda temporada, que por sinal se essa fosse a primeira a série estaria até agora MTO boa, mas os erros da primeira ainda ficam no ar…alguns exageros, algumas desculpas que não colam…enfim toda aquele lenga lenga da primeira temporada que foi praticamente nula ainda pesa nas costas de Jericho…
    e a morte do pai Green foi o grande TRUNFO da série, os pais de Jake além de chatos só apareciam pra travar a trama com dramas q não comoviam nem quem se comove vendo sessão da tarde…

  5. Lucas_Gandalf

    Jericho está morta, simplesmente, porque não emplaca, porque sempre volta ao mesmo ponto (Vide Prison Break)e porque há excessos de dramalhões a la novela das oito (E do SBT). Ou seja, deixou para trás todo os grandes episódios da primeira temporada em que apesar de poucos efeitos especiais conseguiu criar um clima de agonia e desespero, nos levando todas as semanas a querer mais, foi por isso que nós fizemos campanha para não ser cancelada.
    Sim, House, depois Lost, então Heroes e ai sim Jericho, acho que ficou subentendido que essa lista de ‘MELHORES’ é pessoal.
    Rótulos infelizes? Falar que alguém é surdo não é ofensa, é que é por sua condição. Vejamos, sou surda (e sei disso), moro na cidade que nasci em que conheço todos e todos me conhecem, tenho um amigo como o Jake e um irmão forte e bravo como o Stanley, ai numa situação de perigo, alego que por ter visto um colega ser preso e ir para a prisão, pego uma arma e começo a atirar e matar um esquadrão de Ravenwoods, aqueles que até meu amigo Jake e meu irmão Stanley teriam medo, é óbvio que por ser surda não consigo ouvir nenhum deles, apenas me oriento pelas suas sombras, e ainda assim consigo matar uns três caras destes que são altamente treinados… Hum, só faltava eu ser cega! Ops, outro rótulo infeliz.

    “ela se sacrificou pra salvar a esposa e o filho (q ela tem na barriga) do seu irmão…e conseguiu isso de maneira super satisfatória…”
    Meu caro, isso é o que define os superheroís, sacrificar-se pelo bem de outro. E satisfatório? Sei, sei, os caras que receberam a incumbência de administrar uma cidade inteira porque são os ‘caras’, lembrando que os mesmos arrasaram um hospital inteiro naquela cidade da primeira temporada. Os caras se deixaram matar, entrando um a um em direção a nossa pequena heroína, ainda entraram vasculharam a casa e pegaram os documentos que precisavam e não olharam na dispensa a pequena Mimi baleada?

    Antes com os dramas do que com situações insólitas.

  6. ESouza primeiro explique QUAIS episódios dessa segunda temporada tiveram ‘dramalhão’ tem certeza que vc não está vendo a primeira temporada???
    segundo clima de ‘agonia e desespero’ ??? se tiveram uns 3 episódios na série q despertaram isso foi muito…
    tirando a finale e a piloto eu não lembro outro…
    cite pra mim quais episódios da primeira temporada tiveram ‘agonia e desespero’ pq eu gostaria de saber…

    e tudo bem a lista de melhores pode ser pessoal, mas acho q ninguem em sã consciencia vai discordar que Jericho fica LONGE das outras séries q vc citou em termos de qualidade…

    e Bonnie é surda isso é inegável e o rótulo não reside nisso…agora a personagem tem nome é Bonnie, teve poucas mas boas histórias na série e nunca apareceu nela apenas por ser ‘surda’ e vc resumiu toda a história dela ao falar ‘a surda’ ou seja vc quis rotular e resumir ela a apenas isso…é que nem falar ‘a velha’ ‘a gorda’ ou qualquer outra coisa pra querer definir uma personagem…não sabe o nome? fala ‘a irmã do Stanley’ ou qualquer outra coisa…desnecessário querer falar ‘a surda’ mas tudo bem não me ofendi por isso, não sou do ‘politicamente correto’ só acho q vc quis resumir a historia da personagem que foi muito maior q isso…(não q tenha sido tb A história…mas enfim)

    e desculpa mártir agora é superherói??? superheróis não se sacrifica, ele pode abidicar de algumas coisas…mas sacrificio fisico ele nunca faz…afinal ele salva o dia e sai ileso ou no máximo com alguns pequenos problemas…vide Batman, Superman, Homem-Aranha e qualquer outro ‘superherói’
    ela não foi superheroina ela foi uma espécie de mártir…se tivesse sobrevivido ai sim concordaria com você…

    e desculpa então seu problema é com os exageros…hum que tal as tramas do Dale na primeira temporada???
    ou toda aquela trama do Gray e o noivo da Emily???
    ou aquela fuga de New Bern?!?!?!
    ah tah…esses exageros vc fingiu não ver?
    isso pra nem citar a trama do hospital q afinal vc mesmo citou…

    então antes as tramas insótitas executadas de maneira divertida do que os dramalhões que não convencem nem uma telespectadora das novelas do sbt…que ISSO sim foi a primeira temporada…a segunda investiu na ação (exagerada sim) mas em nenhum momento se focou em ‘dramalhões’, teve seus pequenos dramas sim afinal a série é de drama e não de comédia, mas tivemos muito mais ação q drama, o contrário do fez a primeira…por isso os erros de Jericho estão sim na primeira temporada…

    e por isso vou perguntar
    “Jericho está morta, simplesmente, porque não emplaca, porque sempre volta ao mesmo ponto (Vide Prison Break)e porque há excessos de dramalhões a la novela das oito (E do SBT). ”

    poh vc não disse q prefere os dramas???então pq tá criticando a segunda temporada se vc diz q ela tem situações insótitas e não dramas???
    hum contraditório…
    e quanto a voltar no mesmo ponto concordo por diversas vezes a série na primeira temporada fez isso…na segunda eu não vi tanto desses erros…

  7. Não dá pelo visto para discutir o que é dramalhão, o que é agonia e desespero, ou outra impressão da série já que pelo visto isso parece ser bem pessoal para ti. Há diversos pontos para mim que resvalam no drama tosco pois já se passou o tempo de dar importância na série a pequenos dramalhões. E não estou falando de drama, afinal a série é de drama. Qualquer opinião seria (é) pessoal.
    Agoniado e desesperado estaria qualquer cidadão que em um dia normal de sua vida, vê cogumelos atômicos ao horizonte, não consegue sinais de internet, televisão, rádio, telefone, não tem notícias de seus amigos, vê a energia, remédios, comida e água de sua cidade faltar, a segurança pública sumir, invasões de mercenários, guerra civil entre cidades, pelo menos esta foi a série que vi. Como disse parece que a impressão aqui é pessoal, ai eu não discuto.
    Então estou não tenho sã consciência. Vou procurar ajuda psiquiátrica! Por que para mim foi uma das melhores séries do ano passado, e não disse que a qualidade de Jericho é igual às outras, não dei pontuação para nenhuma. É ofensivo, mesmo sendo discreto, chamar alguém de insano por seus gostos televisivos.
    É óbvio que sei o nome de um personagem de uma série que tenho acompanhado nos últimos dois anos, e foi intencional reduzir para mostrar o ponto de vista NA SITUAÇÃO COMENTADA. Ali, numa situação de combate ao Ravenwoods, o fator determinante para a sensatez da cena, não é o fato de ser irmã do Stanley, a ajudante no J&R, a namorada do adolescente rebelde, a antagonista da cunhada, a companheira do irmão, etc. Esses foram os papéis da Bonnie na série, nada que sirva para pegar uma arma SENDO SURDA e combater um esquadrão Ravenwood. Não determine o que eu QUIS DIZER pelo QUE VOCÊ CONSEGUIU, OU QUIS, ENTENDER.
    Meus heróis se sacrificam, e inclusive fisicamente, mostra a história desde Hércules. E mártires não perdem a vida por nada, por algo. Mas devemos perdoar os roteiristas neste fim de série, afinal, somente assim podemos aceitar que os Ravenwoods deixaram Mimi ferida sem vasculhar a casa. Afinal, depois não teria todo o desenrolar do hospital, etc… Realmente, se ela pensasse, ou melhor, os roteiristas, perceberia que com uma ‘espingarda’ e sendo ‘surda’ contra vários homens que ouvem, enxergam e falam perfeitamente, com treinamento militar e fortemente armados saberia que não iria sobreviver. Isso na vida real não seria ser mártir, seria ser…
    Não sei qual foi o momento em que defendi toda a série, todos os episódios e todas as cenas. Então, não vou entrar no mérito de discutir quase trinta episódios,
    Lembrando que em apenas 6 episódios, vimos que a série teve poucos bons momentos. E, por incrível, os melhores momentos para mim foram desencadeados pela morte de Bonnie.
    Não tenho nada contra exageros, tenho contra exageros de mau gosto. Se você assim, não assistiria Lost ou Californication.
    Esta série não é para ter “tramas insótitas executadas de maneira divertida”, é para tramas no mote da série “O que você faria se a sua cidade sofresse um ataque nuclear” (E lógico, essa cidade sendo do EUA), se não; é Heroes.
    Não é apenas: ‘prefiro’ dramas, prefiro bons roteiros.
    Esse papo está ficando longo, e eu estou encerrando minha participação aqui, afinal, a série já foi mesmo cancelada.

  8. ESouza só pra encerrar…Primeiro concordo tem coisas q são pessoais sim, o que você sentiu ou não vendo a série e totalmente subjetivo…

    só tem um porém, isso TUDO que você falou (sobre agonia) é a sinopse da série e foi abordado no piloto (ou na perna final da série, os episódios q antecederam a finale)…os outros mais de 10 episódios foram apenas o desenrolar da situação e na maioria das vezes não vimos esse despespero (vimos sim dramas pessoais dignos de novelas de SBT), e pelo contrário esse ‘agonia’ tanto não existia que eles pareciam viver até bem (melhor até do que agora que tem energia, luz, etc)
    ou seja vc não respondeu quais…apenas falou o que eu já havia dito *finale e piloto…

    Segundo não determinei o que vc quis dizer, ou o que eu consegui ou quis entender…determinei o que vc DISSE, vc falou, tá escrito, reafirmou no outro comentário…enfim só pq ela é surda ela não pode pegar a arma e ir pro pau??? deveria se limitar a insignificancia e sair correndo!?!?

    Terceiro, bom com todo respeito, das duas a uma, ou vc não assiste muitas séries, ou vc é muito fanatico por Jericho, pq comparar a série com Lost, House e outras (pra nem citar aqui BSG por exemplo) gosto pessoal é de cada um, agora percepção pra qualidade não…exemplo eu tenho Alf entre minhas séries favoritas de todos os tempos, eu acho sim q a série é bem comum, mas comigo ela me afeta de uma maneira mto subjetiva e eu adorava…agora JAMAIS em sã consciencia eu vou comparar ela por qualidade com Lost e House (apesar q se eu fosse rankiar provavelmente colocaria Alf mto proximo de Lost) ou seja vc falar q gosta tanto de Jericho quanto das outras ok é um direito seu…agora falar q era tão promissora quanto House ou Lost???
    sim isso foi insanidade!

    Quarto e uma pena, vc da a entender (ou diz claramente pra quem quiser ler) que é burrice confrontar homens armados sendo surdo…mas como eu disse mais uma vez acho q fica BEM evidente q ela em nenhum momento pensou em sobreviver, mas sim em salvar a mulher do seu irmão e o filho dele…pena q vc ache uma atitude tão bela de abrir mão da sua vida pela vida de outro uma burrice…
    mas cada um se sacrifica pelo q acha q deve não?
    e desculpa não entendi bem o que vc quis dizer nesse trecho ” E mártires não perdem a vida por nada, por algo”
    vc quis dizer q ela perdeu a vida por nada?

    e sobre defender toda série bom vc disse “Ou seja, deixou para trás todo os grandes episódios da primeira temporada”
    e depois não falou quais os grandes episódios…ora grandes episódios deduzo eu que foram muitos, bem mais q 1 ou 2…
    logo vc defendeu a série de maneira mais global…
    depois vc ataca dizendo q essa temporada é pior q a primeira por conta das cenas sem pé nem cabeça, como eu já falei isso existia e MUITO na primeira temporada…mesmo assim vc achava ‘o drama mais promissor’ então resumindo com o que disse o Daniel na ultima review (não essa a outra) “Eu poderia pegar pesado com o episódio e apontar erro por erro, falha por falha no roteiro, mas quem conseguiu chegar até esse episódio sem desistir da série não precisa ler sobre esse tipo de coisa”
    ou seja se vc chegou até aqui, engolindo N sapos, deveria sim ter levado na boa a morte da Bonnie…pq como vc mesmo disse os ganchos q isso deixou foram bons…
    e exageros de mau gosto é um tanto subjetivo não??? pra vc foi de mal gosto, pra mim foi genial a morte dela principalmente pela forma q foi…(se foi exagero? opa e COMO…mas de mau gosto? de jeito nenhum)

    quanto a trama…bom ““O que você faria se a sua cidade sofresse um ataque nuclear””
    não sei se vc notou isso foi deixado de lado diversas vezes e sim tivemos VÁRIAS tramas insólitas já na primeira temporada…então mais uma vez qual o problema???
    e pra encerrar “Não é apenas: ‘prefiro’ dramas, prefiro bons roteiros”
    se tivesse bons roteiros na primeira temporada não teria sido todo o fracasso de critica q foi…eu mesmo q via e até simpatizava com a série, não apoiava a sua volta (vendo com olhos de executivo) pq sabia q a audicencia seria porca e seria novamente cancelada (tanto q implorei pra q eles usassem esses 7 episódios pra encerrar a história e não pra tentar dar continuidade pq com certeza seria cancelada)
    ou seja se o seu gosto é pra bom roteiros continue assistindo Californication, House, Lost, comece (ou continue) vendo Battlestar Galactica e outras…essas sim foram séries de bom roteiro…agora se quiser ‘tramas insótilas executadas de maneira divertida’ ai veja Heroes, veja Prison Break… (ia falar veja Jericho mas foi cancelada hehehe)

    e bom esse papo tá ficando longo mesmo, mas se vc está encerrando o assunto apenas pq a série foi cancelada não deveria nem ter começado pq ela com toda certeza do mundo ia ser cancelada hehehehe
    isso era uma coisa q ambos concordavamos desde q a conversa começou a Jericho tinha muitas falhas e que seria cancelada…só discordavamos (e pelo jeito vamos continuar discordando) de quais são as falhas da série…
    mas digo e repito se o problema fosse as falhas do roteiro (e não os dramas mexicanos da primeira temporada) séries como Prison Break não estariam ai sendo renovadas pra uma quarta temporada (tudo baseado na qualidade da sua primeira temporada…que além de bons roteiros, exagerados pra burro, se focava na diversão!)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s