Gossip Girl – 1×15: Desperately Seeking Serena

Tentando manter a seqüência de bons episódios, que já vêm desde bem antes da greve, Gossip Girl caminha para a reta final da temporada introduzindo novos personagens, novas histórias e um bom punhado de conflitos.

Spoilers Abaixo:

O motivo pelo qual eu escrevi “tentando” é porque esse episódio dividiu minhas opiniões. Logo de cara vemos a loucura do SAT’s, algo equivalente ao nosso vestibular nos EUA, com a maioria dos personagens se matando de estudar. No entanto, nossa querida B. percebe que vai ser necessário mais do que estudo para que consiga derrotar a concorrente Nelly Yuki (clichê nº. 1 – nerd asiática de óculos), então qual é o plano? Usar Flo Rida para fazer com que um recém término de namoro acabe com sua atenção.

Sinceramente eu achei muito boba essa história. Totalmente para preencher tempo, não tendo acrescentado nada à história ou desenvolvimento de qualquer personagem, o que a gente deixaria de lado se tivesse sido divertida, mas não foi.

Mudando de núcleo finalmente pudemos ver quem mandava os pacotes misteriosos para S. (como se a gente não soubesse) e Michelle Trachtenberg fez sua estréia sem brilho como personagem regular da série. Eu esperava mais, sua Georgina não me pareceu interessante o suficiente para tanto alarde, e a menos que os roteiristas dêem alguma base à sua personagem, vai ficar parecendo apenas um adorno para tentar atrair alguma audiência. Mas foi interessante ver que a Serena escolheu jantar com a vadia ao invés de encontrar o namorado, ou estudar. Alguém ficou com pena por ela ter perdido o teste? É, eu também não.

Na parte Humprhey da história, little Jenny continua de castigo, mas bola um plano. O que ela precisa ter, já que nenhuma de suas amigas têm? Um namorado! E nova York é uma cidade tão mágica que o cara perfeito carregando cachorrinhos fofinhos esbarra na garota (clichê nº. 2). Além de tudo ele deve ser humanitário, já que a quantidade de hot-dogs que ele levou naquela sacola dava para alimentar uma nação pequena.

Para finalizar, a junção mais sem brilho, mais sem química, e mais bizarra ever: Nate e Vanessa. Seriously, gente, quero saber a opinião de você, porque acho que forçaram muito a barra aqui, sem contar que fazer o Nate ficar amiguinho do Dan já foi estranho, depois que fui entender que foi só um artifício para unir os outros dois.

Por falar no Dan, pela segunda vez seguida ele é deixado de lado, tanto pelo roteiro, quanto pela própria Serena, e mesmo aquele finalzinho tosco, dele com a Georgina me deixou um pouco esperançoso que ele faça alguma bobagem, pelo menos para mostrar que não está morto.

Enfim, é isso. Nada de Lily nesse episódio, muito pouco Ruffus e um bando de sub-tramas esquisitas. Se eu acho que foi um mau episódio? Não totalmente. Pode ter decaído um pouco em relação aos passados, mas não vamos exigir demais. O importante é manter uma consistência, reparar os defeitos e seguir em frente nessa reta final de temporada.

Anúncios

8 comentários sobre “Gossip Girl – 1×15: Desperately Seeking Serena

  1. Quem me dera esse episódio fosse tão legal qnt seu texto. “a quantidade de hot-dogs que ele levou naquela sacola dava para alimentar uma nação pequena.” kkkkkkkkkkkk
    Juro que tento gostar de GG, mas ta bem complicado. Gosto muito da Michelle Trachtenberg desde Buffy, mas realmente ela não começou com o pé direito.
    Já Nate e Vanessa eu até achei que a química entre eles foi boa sim, mas três casais de riquinhos x pobrinhos na mesma trama é meio exagerado, não?

  2. é… eu achei m episódio bem blergh
    mas respondendo a sua pergunta: os roteiristas lembraram que existia uma personagem chamada Vanessa e que eles não usavam a pra nada de util desde que ela entrou na série, ai pensando no que fazer com ela lembraram que existia o Nate, que era namorado na B, mas que tb não tinha nenhuma utilidade pra série desde que as protagonistas voltaram a ser amigas. Então, contrariando a lógica, em vez de eliminar os dois (provavelmente eles ainda tem um contrato com o CW), os roteirias geniais como sempre, decidiram criar mais uma subtrama tosca e que não vai dar em lugar nenhum, já que os personagens são um porre…
    ps.: percebam como eles tb conseguiram resgatar a trama do pai drogado do Nate

  3. Bizarro esse episódio..só rindo porque a série só tem caído!!! axei nda demais naquela Georgina, e to cansada desse lenga lenga Dan e Serena, parece que só ele está nesse relacionamento, quando ela precisa de ajuda ela liga pro chuck???? e a jenny?, vo te contar hein…eu queria ter um pai daquele, porque castigo que dura um dia…e o pai ainda te dá presente eu nunca tive….rsrsr…e dá mais raiva porque a Blair poderia ser mais aproveitada na série do que nessas histórinhas de nerd q ela derrubou…fala sério…sinceramente..GG está decepcionando…

  4. Credo, Nate e Vanessa? O.o
    isso foi mais q forçação de barra… sem noção O.o
    Eu imaginava Nate e Jenny… Eles tavam virando amigos e tals… Mas, putz, a Vanessa??? Q coisa mais sem noção O.o

  5. Um episódio excelente para uns, péssimo para outros. Jenny esta se tornando uma menina mimada, porem sem motivos. Rufus esta se tornando cada vez melhor, mais pai do que no inicio. Dan continua cansativo, querido, meloso mais cansativo. Serena idem. Chuck e Blair dominam totalmente a cena quando aparecem, e Nate parece ter recebido uma chance de aparecer mais e mostrar que esta vivo em cena.

  6. Realmente fiquei muito bolado com a junção de Nate com Vanessa.. creio que isso seja a ausência do personagem nos ultimos episódios.. ele está sem namorada.. quase não participa.. ” o que ele está fazendo na série ?” acho que eles fizeram essa junção para mostrar que o Nate ta vivo.. coisas que não concordei é que um cara com Nate nunca ficaria com uma Vanessa assim tão facil.. ele deve estár acostumado com mulheres nível 9 e 10 .. mas mulher nível 6, 7 achei muito forçado… seria “menos” estranho ele ficar com a Jenny.. imagina a cara da B quando ao saber? .. isso sim seria uma boa trama.. mas agora Nate com Vanessa? grande coisa.. parabêns pra eles..

    também to achando que o “sem noção” do Dan vai cair na lábia da Georgina.. ou ( Sarah ahuahuuah) ..

  7. Okay, adoro a nova jenny, é realmente bem como o livro (ela tem um spin off). Mas nate e vanessa? FALA SÉRIO! Que coisa mais ridícula! Absurda! I HATE VANESSA! Realmente, foi forçar a barra demais! Coisas surreais invadindo gossip girl..

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s