A semana em um post

Pensando no tanto de coisas que eu vi essa semana na tv a cabo, pensei: porque não pôr tudo isso num post e discutir com os leitores mais divertidos do mundo? (hehe, vocês merecem, vai)

Portanto, vamos falar sobre a finale de Damages, os episódios de Breaking Bad, Terminator, Ugly Betty e o que mais vier à mente.

Enfim, nada que eu me lembro direito na segunda-feira, então vamos direto à terça:

Bom, não vejo 30 Rock regularmente, mas quando o Eric me avisou que a tal “MILF Island”, que é o reality show fictício do programa, baseia-se em Survivor, eu tive que conferir. Resultado: achei tão engraçado que me deu vontade de ver a série desde o começo, e vale ressaltar que a maioria diz que esse é um dos mais fracos dessa temporada.

Um pouco depois tivemos o final de temporada da festejada Damages e (preparem as pedras) eu achei tão desinteressante. E parei para pensar, e vi que a série toda foi desinteressante. Não me levem a mal, mas se um grande elenco, ótima nos aspectos técnicos e com um roteiro em que tudo é tão amarradinho não conseguiu me deixar abismado no fim das contas, acho que é porque a série não foi tudo isso para mim, ou então o problema e comigo.

Um pouco decepcionado após a série da Glenn Close, tinha que decidir se continuava com meu tio traficante de Breaking Bad ou matava minha curiosidade com Terminator. Bem, a foto ao lado revela qual escolhi, o que não revela é que logo após quinze minutos eu tive uma visão de que aquilo não iria a lugar nenhum nunca, então sorry, terminou para mim.

American Idol bem chato na quarta, Gossip Girl que você pode ler meu review clicando aqui.

Já ia me esquecendo, quarta teve episódio delicioso de Ugly Betty. O jantar com a mãe do Marc e a família da Betty foi simplesmente sensacional, assim como a corrida entre os irmãos Meade com música de São Silvestre ao fundo. Eu posso até esquecer as vezes que quarta é dia de Betty, mais por culpa do Sony, mas é incrível o quanto eu rio e me distraio sem compromisso, e o melhor, sem ser descartável.

Finalmente peguei Terminator na reprise de quinta, e, enchendo a boca para dizer, que série horrível. Se a audiência caiu mais que a metado no segundo capítulo, é por um motivo: porque é ruim. E dizem que o piloto é o melhor dos episódios, e isso significa que eu tenho medo dos restantes. Chute no seu traseiro biônico, série.

Teve mais coisa bacana, como a sempre ótima Pushing Daisies, outas deprimentes como Eli Stone, mas acho que já está bom para um post, agora é a vez de vocês. Até semana que vem.

Anúncios

13 comentários sobre “A semana em um post

  1. Legal essa sua idéia de fazer um resumo da semana…

    Bom, quanto a 30 Rock eu acho ela engraçada, não acompanho como um fã fiel, assiduamente, mas me diverti em cada episódio esporádico que assisti. Está na minha lista de séries para assistir desde o começo, assim como Damages.

    Desta, tenho medo de ser mais uma daquelas em que se apóiam apenas no elenco e na técnica. Bom, mas é preciso ver para depois criticar. E é o que vou fazer…

    As outras não assisti, a não ser o piloto de Terminator, que como disse o Victor: é ruim. A Fox fez uma tremenda propaganda, pena que só ficou nisso.. tanto que depois a audiência caiu drasticamente…Uma pena, pq tinham uma história e tanto na mão

  2. Eu gostei da finale de Damages, deixou nada solto e abriu novas histórias pro segundo ano, podendo ficar um pouco desgastada com o fato da Patty ser manipuladora e talz…

    dessas outras eu só vi Terminator, achei legal pelas cenas de ação, mas de resto foi bem fraco, mas acho que minhas terças estão fracas, portanto devo continuar vendo

  3. eu também qro ver 30 rock desde do começo e ver damages q todo mundo fala q é mto bom, e vou ver o piloto de terminator se ainda tiver reprise

  4. Eu discordo – acho que Terminator é uma boa série de acção. Sim, teve alguns problemas no primeiro episódio, mas é uma óptima homenagem à série e à história original, e melhora ao longo dos episódios. Estou impaciente para ver a continuação.

    Quanto ao Breaking Bad – vi os 3 primeiros episódios, mas nunca mais lhe voltei a pegar, ficou à espera que houvesse um tempinho livre no meu horário. É interessante – completamente doida – mas interessante. Espero vê-la de início ao fim ainda este mês.

  5. ai Vicccccccccccccccctor…. eu pensei que a gente ia concordar em outras coisas, tendo em vista nossas opostas opiniões sobre o A.I…hahahaha

    e na verdade até que a gente concordou em muita coisa. sobre Damages, senti a mesma coisa. mas a série é obra prima mesmo, muito bem feita, não tem o que ser criticado e ponto. é mera identificação, eu acho. no final, eu acho que até gostei bastante. vou ver a segunda temporada. mas não está no meu top séries.

    e sobre ugly betty, gente, eu chorei rios de rir. juro. que episódio hilário. eu adoro Marc e Amanda… e lógico justin!!! é sempre uma diversão ver a Betty.

    sobre terminator, eu gostei muito do piloto. talvez pq eu adore mulheres fodonas. sou uma fanática por Sydney Bristow. mas depois só piora, né… uma pena, mas vou dar uma conferida mesmo assim.

    dê uma chance pra Eli. é legalzinha.

  6. O piloto de Terminator é uma cansativa sequencia de tiros e explosoes e um roteiro que se limita a “corram que o Treminator vem aí!”. Mal consegui chegar na metade do episodio, quanto mais ver os demais. Fosse eu americano, e seria um dos 50% que abandonaram a serie logo de cara.

  7. O piloto de Terminator é uma cansativa sequencia de tiros e explosoes e um roteiro que se limita a “corram que o Treminator vem aí!”. Mal consegui chegar na metade do episodio, quanto mais ver os demais. Fosse eu americano, e seria um dos 50% que abandonaram a serie logo de cara.

    E qual é a diferença para os filmes Terminator e Terminator 2?
    A série baseia-se em filmes de acção, logo é óbvio que esteja na mesma linha.
    Mas gostos são gostos, é claro…

  8. Tvfiles, acho que a diferença primordial é que os filmes foram inovadores p/ a época e o roteiro não era tãaao idiota assim quanto terminator, até pq foi a criação ali, não uma série que não adiciona nada ao original. Pelo menos isso é o que penso.

  9. Tvfiles, vou discordar de vc, pois já sabemos desde Terminator 2 que dá pra fazer um filme de ação com conteúdo (Matrix, outro exemplo). Logo, mesmo sendo uma série de ação, não significa que td o seu trunfo tenha que se basear apenas em tiros e efeitos, coisas que os filmes não fizeram.
    A diferença entre Terminator e Terminator 2 é gritante: o segundo filme teve mais dinheiro investido, logo, uma produção pra lá de caprichada, com efeitos especiais muito, mas muito superiores em relação ao primeiro filme, sem falar na maquiagem, no roteiro, nas atuações e , inclusive, na direção, muito mais madura de James Cameron. Não podemos esquecer tb a bilheteria de Terminator 2 e todos os prêmios da crítica que recebeu (incluíndo 4 oscars).
    Então, que há diferença, há sim.
    Imagine, então, a diferença entre os filmes e a série.
    Nem é preciso comentar.

    Ainda bem que a audiência caiu drasticamente, para que a Fox repense quando for pegar histórias de sucesso e tentar fazer séries tão medíocres.. se não correríamos o risco de ver Independence Day Chronicles…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s