American Idol – 7×39: Top 3

Penúltima noite de apresentações, três músicas para cada candidato e uma cadeira.

Até que foi uma noite razoável.

Antes de tudo, quero começar fazendo um pedido amistoso. Eu sei que a essa hora já está sendo revelado que é o American Idol dessa temporada, e sei que muitos de vocês, assim como eu, acompanham o programa pelos EUA, mas não estraguem a surpresa de quem vê pela Sony, certo?

Enfim, após relembrar a graça da Emily VanCamp na platéia, vamos aos comentários:

# David Archuleta

1. “And so it goes”

Só para comentar, aquele prefeito era figurante em Moulin Rouge ou algo do tipo? Mas em relação à apresentação, foi um vocal forte, realçado pela ausência dos outros instrumentos, exceto pelo violino. Mas depois de um minuto, a força se tornou tédio. Ah, e as garotas da platéia pararam de balançar os braços.

2. “With you”

Sabe aqueles filmes estilo Freaky Friday em que duas pessoas trocam de corpo? A impressão que tenho é que o David trocou de corpo com o meu avó. Só que eternamente. Seriously, o garoto é um idoso preso no corpo de um adolescente, e isso ficou evidente ao cantar uma música jovem. A dança foi estranha, parecia que ele tinha decorado a letra na noite anterior e no geral foi tudo muito constrangedor.

3.  “Longer”

Tenho que dizer que sempre que as luzes abaixam e a apresentação do David começa eu tenho vontade de morrer. Isso não é minha perseguição com o garoto, mas foi o de sempre: bem cantado, bem coeso e bem monótono.

# Syesha Mercado

1. “If I ain’t got you”

Na medida do possível foi uma boa apresentação, pena que uma cópia da versão original. No entanto é notável o quanto a Syesha realmente conseguiu evoluir no decorrer das semanas, mas a escolha do randy não ajudou aqui.

2. “Fever”

Syesha, Syesha, no importa o quanto a apresentação tenha sido agradável e seu vestido curto ao sentar na cadeira, é jogar no lixo uma chance de mostrar alguma personalidade ao cantar Fever.

3. “Hit me up”

Eu particularmente gostei mais do que os jurados dessa apresentação em si. Se em Fever a Syesha parecia fazer audição em musical da Broadway, nesta música deu para perceber em qual gênero musical ela se encaixaria após a competição. Um gênero não tão impressionante, ao lado de Beyonces e Rihannas da vida, mas deu.

# David Cook

1. “First Time ever I saw your face”

Eu vi essa apresentação há menos de uma hora e juro que não me lembro como foi. Acho que isso resume tudo.

2. “Dare you to move”

Já nessa segunda música, o Cook entregou uma performance de razoável pra baixo. E protejam-se do Armaggedon porque finalmente a Paula disse algo com sentido, que quando a música começou a agradar, e o David começou a cantar bem, a apresentação acabou.

3. “I don’t want to miss a thing”

Melhor apresentação da noite. Pular o primeiro refrão foi uma jogada de mestre, só aumentou a ansiedade para um clímax arrebatador. Além de ser a última performance da noite, o que sempre favorece o candidato, o David fez por merecer.

Com exceção do desastroso round 2, foi uma boa noite de apresentações, com o fim cada vez mais próximo. E amanhã tem show da Fantasia e o top 2 revelado. Té lá.

5 comentários sobre “American Idol – 7×39: Top 3

  1. eu tava acompanhando pelos EUA, mas tô sites internacionais free essa semana pra não saber quem é. fala sério, qnd finalmente o grande embate chega, saber antes da hora?!!!!

    eu gostei mais ou menos. me deu um ódio do David Cook! pq qnd ele tem que escolher as músicas, ele só faz cagada? foi assim com aquela do innocente, depois no hall of fame do rock e agora no round 2. o que foi aquilo??? Paula abdul disse tudo!!! that being sad. David Cook wins the night mesmo!!!! a ultima apresentação foi fenomenal!!! Randy tava louco de dizer que foi ok…

    sobre Syesha: eu acho que ela tá bem melhor. me dói admitir pq acho ela um saco.

    hahahahahahahha!!! David Archuleta cantando with you foi de matar! aliás, ele parecia que ia morrer de falta de ar! não conseguia acompanhar a batida pop!!! foi medonho. agora, eu não entendo uma coisa: ele queria fazer uma coisa contemporânea, tudo bem. pq não fez john mayer que ele tão bem fez na audição? contemporâneo não significa adolescente.

    no mais eu ri muito ontem. graças a Simon! ele dizendo que Cook e Simon ganharam o round 1 foi hilarious!!!!

    p.s parece que os produtores têm seu favorito. a escolha pro david cook foi infinitamente superior a dos outros, como o próprio simon falou.

    p.s 2. não sei não, mas senti que tinha alguma coisa faltando ontem.

  2. ai gente. olha a merda que eu acabei de fazer:

    eu já tava toda preparada pra fugir dos spoilers do vencedor na internet, abandonei os sites de fofoca internacionais… total abstinência por uma semana do mundo das celebridades gongadas por uma semana, qnd de repente, zapeando, ponho no fox news e tá lá A.I winner dando entrevista. F**k ME!

    agora eu já sei quem é. duh.

  3. e pra quem não quiser saber, o site da globo.com tá na página principal com a foto do ganhador. é o tipo de coisa que não precisa. pode dar a manchete e colocar uma foto sem o resultado. quem quiser saber vai lá e checa.

    aí qnd o povo reclama, é pq é chato.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s