I Want To Believe

Justice é uma série sobre uma firma de advogados de elite, que defende a maioria dos casos famosos, ou que simplesmente chamam mais atenção da mídia. Se ficassem dentro dessa premissa, acho que seriam mais bem sucedidos. Se defendessem seus clientes, sem se importar se são culpados, ou inocentes, ela seria muito mais interessante.

Como eu disse, se eles defendessem todos, culpados ou não, do mesmo jeito, sempre defendendo com todas as forças seus clientes, não se importando de mentir para isso, seja para o júri ou imprensa, teríamos uma serie muito mais interessante mesmo. Ela tem seus momentos ótimos, mas quando parte para o sentimentalismo barato, “ele é culpado, o que vamos fazer”, quando começa a choradeira pelo cliente poder ser culpado, não da pra agüentar.

 

Além disso, o pouco desenvolvimento dos personagens principais, o fato da maioria dos seus casos serem de pessoas inocentes e de ganharem todos eles, irrita. Mesmo no último quando perderam o primeiro caso, o episódio teve um roteiro fraco.

 

Uma das sacadas mais legais da série é mostrar no final, numa cena a parte, como ocorreu o crime do episódio. Isso pode gerar tantas possibilidades, mas ainda não foi explorado de forma totalmente satisfatória.

 

Outra coisa que eu adoro em Justice é a imprensa, oportunista e sem escrúpulos, principalmente a jornalista que tem uma historia com o Ron (Victor Garber), sempre dando um jeito de tentar ferrar ele, as cenas das entrevistas com o advogado, rendem as melhores partes dos episódios.

 

Por último o destaque total vai para Ron Trott (Victor Gaber), pra mim ele é um dos melhores personagens da televisão, ciníco até não poder mais. O desempenho de Garber é extraordinário, tendo vários momentos brilhantes, como em todas as entrevistas na tv e quando ele finalmente se põe a frente de um caso e vai para o tribunal.

 

Apesar de ter momentos fracos, eu quero acreditar nela, principalmente pelo Garber e pelos outros motivos que citei, também quero acreditar que a série irá melhorar, que irão perder mais casos, irão ter clientes culpados, reviravoltas no quadro final, desenvolvimento maior dos protagonistas. Eu quero acreditar e se acontecer, que não seja tarde demais.

Anúncios