Pequenas "Férias" + Comentários da "Semana do Climax"

Galera, só passei para avisar que o blog não será atualizado por mim até sábado. Estarei trocando de computador e nesse período estarei tirando umas “férias” do pc!

Quando a situação estiver normalizada, postarei um texto bem bacana sobre a 2ª temporada de Entourage, que estou devendo para vocês á tempos.

Já que estou sem computador essa semana, consegui ver algumas coisas da “Semana do Climax” da Warner. Ai vão elas:

Close to Home: Final digno para toda a trajetória da série. Sua segunda temporada veio muito modificada, mas com o tempo encontrou sua fórmula e terminou de maneira bastante agradável. Fará muita falta.

Without a Trace: Essa é uma série que sempre me chamou a atenção, mas por motivos inexplicáveis nunca consegui acompanhar regularmente. Ao longo desses cinco temporadas não vi muita coisa, mas esse episódio final foi muito, muito bom. A ótima atuação do LaPaglia, o roteiro se desenrolando de maneira incrível e o cliffhanger da garçonete sendo seqüestrada foi o que faltava para colocar Without a Trace na minha lista de séries imperdíveis para a fall season.

-The New Adventures Of Old Christine: Esperava mais do episódio já que se tratava de uma finale, mas até que gostei. O talento incontestável de Julia Louis-Dreyfus contribuiu. O cliffhanger dela na escola foi engraçadinho, nada demais. Agora só resta esperar até setembro para vermos o desenrolar dessa história.

Two and a Half Men: Hilário! Hilário! Hilário! Não possuem muitas sitcoms atualmente, mas as poucas que restaram tem um nível de qualidade regular. No episódio final de Two and a Half Men acompanhamos Charlie e Alan criarem uma relação mais próxima com o novo namorado de sua mãe, Teddy. Este por sinal, é uma versão mais velha e amadurecida de Charlie. O fato de o episódio ser tão engraçado é que eles partiram de uma premissa tão simples e, conseguiram resultados magníficos graças ao seu elenco. Um excelente episódio e encerrou de maneira maravilhosa essa quarta temporada.

-Smallville
: Até hoje eu assisti a apenas seis episódios da Smallville. Sempre me arrependi de nunca tê-la acompanhada desde o inicio. Mas depois de ver essa season finale, não me arrependo mais. Ô episódio ruim. Aquela “morte” da Chloe foi à coisa mais ridícula que já vi em toda minha vida. Não sabia que ela também tinha um “poder especial”. Vou passar longe dessa série.

***

-On the Lot: Perdi a primeira hora do especial de 2 horas, pois estava assistindo a finale de Smallville. Mas só de ver o curta-metragem do mago dos efeitos especiais, Zach, já valeu a pena. Nem lembrava mais que tinha perdido o inicio do programa. O cara é muito bom e merece ganhar o prêmio! Dêem uma olhada no trabalho do cara:

 

Abaixo os erros de gravações da 2ª temporada de Grey’s Anatomy. É muito bacana.

 

Anúncios