Pushing Daisies – 1×09: Corpsicle [Season Finale]

Pushing Daisies é dona do recorde de mais trocas de autores nos reviews aqui do blog, e unanimidade entre todos eles de que foi a melhor série estreante do ano passado.

Talvez isso tenha elevado minhas expectativas demais, mas o que vi nesse season finale me deixou dividido.

Sim, tivemos muitas revelações chocantes neste episódio, dentre as principais:

  • Emmerson é pai!
  • Tia Lily é mãe da Charlotte!

Sobre a primeira revelação, foi muito interessante saber disso, e caso seja bem utilizado, pode ser um ótimo gancho para a segunda temporada. Sobre a segunda, achei muito estranha essa história dela ser mãe da Chuck, não consigo imaginar porque ele mentiria sobre isso.

No entanto, outras partes do episódio foram culpadas pela sensação de divisão que senti. O crime da semana foi o mais desinteressante de toda a curta trajetória da série, e assim como o Ned eu estava com a cabeça nas nuvens nesses momentos. Todo o desenrolar da história do cara do esgoto com a Chuck me pareceu, não sei, incomum. Sentia como puro preenchimento de espaço para uma conclusão arrebatadora na história do casal Chuck-Ned, que acabou não vindo.

Acho que todos que viram a propaganda da Warner passaram o episódio inteiro esperando a cena da Chuck no túmulo do pai, e era óbvio que o Ned não fosse revivê-lo, não teria cabimento ela passar um minuto com o cadáver decomposto do pai. Mas a gente dá um desconto porque foi um dia difícil para ela.

Uma coisa que esperava e não houve foi o retorno do Alfredo, o cara dos remédios apaixonado pela Olive. Só eu ou vocês concordam que os dois são ultra casal perfeito juntos? Bacana também ver a tia Lily chapada de remédio, tendo alucinações à lá Wonderfalls.

Por último, vale mencionar um texto que veio à minha mente sobre Greek ser a herdeira de Gilmore Girls, que eu li no Teleséries. Eu discordo. Acho que se alguma série consegue chegar perto da rapidez dos diálogos Gilmore, é Pushing. O trecho com os inúmeros “wishes” foi digno de Lorelai, só que em um nível acima.

Resumindo, longe de ter a mesma força com que iniciou a temporada, Pushing Daisies despede-se por alguns meses como ainda sendo umas das melhores séries novas, porém com o fôlego acabando. É torcer para que esse recesso tenha servido para que Bryan Fuller e companhia repensem o rumo do programa, porque nada seria pior do que se nossa dose semanal de doçura azedasse.

About these ads

9 comentários sobre “Pushing Daisies – 1×09: Corpsicle [Season Finale]

  1. Eu gosto de Pushing, mas acho ela tão simples.
    Ela diverte, mas não é uma série marcante, pelo menos na 1ª temporada.
    E o gancho do season finale foi fraco, fraco…Eu tb não consigo imaginar de pq ela mentiria sobre ser mãe da Chuck e ficou parecendo que eles só colocaram isso pra ter uma surpresa de fim de temporada.

    Mas vamos ver a prox temporada,

  2. Aaaa, Wonderfalls era muito boaa…

    E concordo, os dialogos da PD lembram demais GG.

    Eu até gostei do Season Finale, esperava mais, mas… Vou continuar assistindo pelo Ned+Chuck, fofos demais…

  3. PD é um romance bem legal. Lembra um pouco um conto de fadas, o que faz com q deixe a série especial.
    Foi emocionante, mas tbm pouco provável, o season finale.
    Adoro todos os episódios e mal posso esperar q estréie a nova temporada!

  4. Lee Pace é um gostoso, Ned the piemaker é fofíssimo. A série é um dramedy bem dosado, uma repousante delicadeza à la Amélie Poulain no meio da baixaria que come solta nas outras séries. O cast todo é ótimo, o roteiro é inteligente, o cenário é fantástico.

    Eu não me importava em morrer pelas mãos do geekish, prince charmingish Ned. Contanto que não fosse tão rapidinho!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s